Há décadas atrás e até mesmo nos dias de hoje, a maioria das famílias tem receio, medo, vergonha em expor para sociedade que um ente, possua doenças, distúrbios, transtornos relacionados ao corpo e a mente.

Quando se trata de Dependência Química, para as pessoas e familias, leigas, o que vem a cabeça são individuos loucos, marginais, vagabundos, preguiçosos, nóias, maconheiros, entre outros termos, que descaracterizam totalmente estes que precisam de ajuda, apoio e tratamento.

Essa cultura do testemunho nos faz lembrar o quanto é importante, que experiências vividas sejam elas, boas ou ruins devam ser relatadas, para que outras pessoas leiam, escutem e tornem para si como exemplo, uma luz, para tomada de uma atitude, uma ação que pode mudar a sua vida e a de muitas outras.

Pensamos que ainda hoje, existem pessoas, famílias, que ao invés de contribuir com seus ricos testemunhos, se fecham no seu mundo, pensando que, quanto menos a sociedade souber, menos vão ter que se expor, este tipo de pensamento arcaico, acaba se tornando ineficaz, poderiam estas familias e pessoas estar salvando vidas, ao invés de guardar para si algo tão importante para quem busca a transformação pessoal ou de quem precisa ser ajudado.

Para exposição desses testemunhos, para contribuir de forma sádia destas experiências a orientação é, buscar grupos de apoio especializado, que se identifiquem com o contexto sobre o assunto, revistas científicas sobre a área especifica na doação de um texto, na forma de uma entrevista, na contribuição em uma palestra, tudo ajuda.

Para o bom testemunho as famílias precisam estar dispostas nessa doação, fica claro que este tipo de ação deve ser realizada de comum acordo, forma expontânea e dedicada, sem obrigação alguma de exposições, ou relatos se não se sentirem a vontade.

O testemunho é uma das maiores contribuições, quando se trata da relação entre Codependentes, o fator Dependência Química, até para outros problemas nas suas especificidades.

Esta coluna vem com objetivo de que familias e pessoas em comum exponham aqui seus relatos, para que outros possam ler, refletir, tirar exemplos positivos de superação, e de transformação efetiva para suas vidas.

Por: Deise Tavares
Colunista da Revista Dependência Química & Saúde
Coordenadora e Voluntária do Grupo de Apoio Amor Exigente Cidade Ademar

Para enviarem seus relatos:
deise_rosatf@yahoo.com.br

Deixe seu número de telefone/zap, nome completo, que entraremos em contato.

Parceiros

2 comentários em “Porque o testemunho das famílias e dos Dependentes Químicos são tão importantes?”

  1. Avatar

    Palavras inteligentes de quem tem uma bagagem riquíssima de experiência e sabedoria. A Deise tem, principalmente, uma generosidade inigualavel em dividir seus conhecimentos.

  2. Avatar
    Edvaldo lucio Ribeiro

    Se foi bom para mim vai ser bom para quem ouvir o que eu tenho a dizer. A Deise me conhece, eu passei por uma fase muito difícil com drogas e hoje não tenho vergonha de falar porque eu venci. Tem que ter forca de vontade e fé em Deus que você vai vencer. Eu lutei contra as drogas e bebidas e não é fácil. Mas até hoje eu tenho meu controle. Vou para festa e danço, bebo somente uma latinha de cerveja e não passo disso porque a minha vida é mais importante Glória a Deus sou grato por tudo gratidão SEMPRE. Que DEUS ABENÇOE nossas vidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *